Ação pede a unificação de teto nas universidades

O Cruesp protocolou ADI junto ao STF em que pede a unificação do teto salarial dos servidores de todas as instituições públicas de Ensino Superior

O Conselho de Reitores das Universidades Estaduais Paulistas (Cruesp) protocolou Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) em que pede a unificação do teto salarial dos servidores de todas as instituições públicas de Ensino Superior do país. 

Na avaliação do Conselho, a manutenção da diferença entre os tetos salariais a que estão sujeitos os servidores das universidades federais e os das estaduais de São Paulo pode chegar a R$ 16 mil e representa “uma séria ameaça para o futuro das três instituições paulistas”. Os reitores avaliam que a diferença salarial pode afastar os profissionais de maior qualificação. Se for equiparado ao Supremo, o teto subiria para R$ 35.378,00.

Fonte: Correio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 + 9 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.